Terça-feira, 20 de Janeiro de 2004

Defesa dos animais..!!

defesaanimais01.gif


Coisas que podes fazeri para ajudares os animais:



--------------------------------------------------------------------------------


Há várias coisas que podes fazer para reduzir o sofrimento dos animais. Pode ser algo tão simples como escrever uma carta ou fazer um telefonema num esforço para alterar o modo como as instituições tratam os animais.
Podes também fazer algo tão agradável como optar por uma refeição vegetariana várias vezes por semana num esforço para alterar o teu estilo de vida. Ou talvez possas preferir educar outros acerca do modo como os animais são cruelmente tratados por algumas das instituições da nossa sociedade. A escolha é tua.


Altera o Teu Estilo de Vida.

1. Compra produtos não testados em animais.

A maior parte dos produtos consumíveis, desde sabonetes a cosméticos e detergentes, foram cruelmente testados em animais que são intencionalmente envenenados ou cegados. No entanto, existem à venda muitos produtos que não são testados em animais. Podes dar o exemplo aos teus amigos e à tua família e não comprares produtos testados em animais. Normalmente a embalagem dir-te-á que o produto não foi testado em animais. Para te certificares, informa-te acerca de que marcas testam os seus produtos em animais.*1 Como alguns produtos que não foram testados em animais podem ainda assim conter produtos provenientes de matanças não te esqueças de verificar a lista de ingredientes para te certificares que não foram usados produtos de origem animal no processo de manufactura.


2. Não comas animais.

O sofrimento que ocorre em aviários e matadouros está além de qualquer descrição. E se isto não fosse suficientemente mau, a agricultura animal é responsável pela destruição por erosão das camadas superiores dos solos e pela devastação de florestas, agravando assim os problemas de poluição. Se ainda não és vegetariano podes ajudar a reduzir o sofrimento animal e a destruição ambiental não comendo nenhum animal um dia por semana. Nesse dia evita comer tanto carne como peixe. Podes comprar um livro de receitas vegetarianas*2 e tentar aprender a confeccionar alguns pratos livres de carne e de peixe. À medida que te sentires pronto vai progressivamente acrescentando mais dias à tua dieta livre de carne e peixe até que ela se torne exclusivamente vegetariana. Após algum tempo, talvez decidas tornar-te veganista ao eliminares todos os produtos de origem animal (ovos, leite e derivados) da tua dieta. A prática de uma dieta veganista é um excelente modo de reduzires o teu consumo de gorduras e colesterol. Lembra-te que cada vez que optares por uma refeição vegetariana estás a contribuir para a conservação do ambiente e para poupares dôr, sofrimento e morte aos animais.

3. Evita produtos de origem animal.

Cabedais, pêlos e a maioria dos cosméticos e produtos de limpeza são apenas alguns dos produtos que só existem em resultado do tratamento cruel de animais. Além disso é frequente a utilização de toxinas perigosas nos processos de transformação das partes dos animais em produtos consumíveis. No entanto existem alternativas livres de crueldade. Já é possível optares por casacos de pele falsa, imitações de cabedal (incluindo sapatos) e vários outros materiais sintéticos.

4. Evita Espectáculos com Animais

Os animais usados em espectáculos nunca se divertem com o espectáculo. Os animais dos circos, por exemplo, passam grande parte das suas vidas enjaulados enquanto são transportados de um local para outro. Sempre que saem de dentro da jaula são obrigados a obedecer pela fome e pela violência. Já pensaste porque terão os animais medo do chicote que o domador faz estalar durante o "espectáculo"? Os golfinhos, focas e baleias mantidos em piscinas nos parques aquáticos apenas vivem uma pequena parte do seu período de vida normal que ronda os 50 anos em condições naturais de liberdade. Os jardins zoológicos maltratam frequentemente os animais privando-os das suas necessidades sociais e ambientais mais básicas. Quanto às touradas é quase impossível arranjar palavras para descrever tal barbárie. Que cultura é esta que considera "entretenimento" torturar horrivelmente um animal sem outra razão que não seja o satisfazer dos impulsos mais sujos dos seres humanos? Podes lutar pelos animais boicotando estes espectáculos e escrevendo aos seus patrocinadores e organizadores exprimindo o teu desagrado.

Para mais informações: http://www.terravista.pt/ilhadomel/3777/jan999/12_defesaanimais.html

Peace&lobe
Freak freak às 17:55
link do post | Fala ka freak | favorito
|
9 comentários:
De Anónimo a 15 de Janeiro de 2006 às 20:19
Oi! pois, eu sou da tua opiniao..(acerca de tudo! principalmente do vegetarianismo).
eu sou +/-vegetariana..sao raras as vezes em k como carne. mas quando como é APENAS atum ou um bifinho de peru. agora em resposta aí a uma coisa k axei interessante (e k tambem ja tinha pensado sobre isso) acerca de as plantas sofrerem ao serem colhidas. é assim, é claro k sofrem! mas as plantas têm uma vida ao ar livre, saudável, sem vida dura, sem sopfrimento...agora VAO PESKISAR na net acerca dos matadouros..a vida dos animais lá é um SOFRIMENTO e a morte deles é MTMTMTMT CRUEL (depende dos sitios)..eu deixo-vos aki um site ingles onde podem ir e traduzir a informaçao (caso consigam), ver FILMES IMPRESSIONANTES k mostram o sofrimento dos animais em matadouros (como sao mortos e a maneira como sofrem) e..o mais importante de tudo..se axam k a comida vegetariana é uma porcaria, k sao APENAS vegetais cozidos tao MTMTMTMT enganados..a comida vegetariana é SUPER DELICIOSA! sugiro-vos uma bolonhesa de soja ou almondegas de aveia (sao os meus pratos preferidos)! e ganto-vos k nem um super frango assado é melhor k isso!


NESTE SITE PODEM PEDIR COMPLETAMENTE GRATIS UM KIT DE VEGETARIANISMO COM 1 DVD K VOS ENSINARÁ A COZINHAS MTS PRATOS SUPER DELICIOSOS!

aki vai o site:
goveg.co.uk

beijos a todos! agradecia k colaborassem! n se vao arrepender..eu ja encomentei o meu kit! :DRaquel
</a>
(mailto:raquel_francisco_2005@hotmail.com)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2004 às 17:39
Lol Nitah...opah eu quero que fike bem klaruh, que eu n axo que quem n kome carne gosteh mais dos animais, isso n tem nada a ber, uma coisa n implika a outra!! =))) mas todos temos de ter pancas e objectivos bem como coisas em que akreditar nestah bidah!! ehehe ****************pam_morrison
</a>
(mailto:pam_morrison@iol.pt)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2004 às 15:02
õh nitah tu lá tens a tua pancada!!!ma é isso msm nitah!Eu respeito msm as pessoas cm tu q só dão na comida vegetariana (lol) mas nng me tira o meu bifinho mal passado entre mtas outras coisas...Sou gd defensora dos animais (talvez não tanto como tu, mas nker dizer que goste menos dos animais!!)..São opções..Eu não sei se csguia viver mt bem sem comer algumas coisitas boas de origem animal...E sinceramente não tenho informação suficiente sobre aquela hitória do "tamos em crescimento e precisamos de protéinas e outros elementos que existem nas carnes", etc...por isso,olha...fica lá com as tuas verduras e os teus frutos e as tuas comidas macrobióticas saudáveis...=P jokas gandesDana
(http://krazydaisy.blogspot.com)
(mailto:dana608@hotmail.com)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2004 às 12:13
Hash aí concordo ctg, ng é melhor que ng puke n come carne!! Odeio extremismos, por isso mais uma vez digo parte da consciencia de cada um, eu respeitu e compreendo os dois lados!!! E assim é que debe ser!! =)pam_morrison
(http://www.freak.blogs.sapo.pt)
(mailto:pam_morrison@iol.pt)
De Anónimo a 21 de Janeiro de 2004 às 01:41
Está na nossa natureza matar? Eu falei apenas na nossa natureza no sentido de ser uma necessidade do corpo. Matar não é uma necessidade, é um instinto de sobrevivência que perdeu expressão com a evolução da nossa sociedade.(Digo eu!) E ya, ser vegetariano é uma opção como qq outra - eu discordo, pelo q n sigo tal tipo de regime. Só censuro os que o seguem para "serem diferentes" ou que de forma talvez incosciente o usem como meio de fazerem crer que são melhor que os outros. Não são. Passem bem! Hash
</a>
(mailto:hash@hash.pt)
De Anónimo a 20 de Janeiro de 2004 às 23:17
Opah, é assim parte da consciencia de cada um, isto é um dakeles assuntos que causam sempre muita discórdia!! Acho que á certas coisas que se devem fazer, para ajudarmos de algum modo os animais, e não tou só a fazer referenxiah ao facto de comer carne ou naum!! =)Eu não como..mas nem todos somos iguais..!!! Déborah * * * * * (tu jah eu xei kumu penxas ehehe) Tosh * * ** * pam_morrison
</a>
(mailto:pam_morrison@iol.pt)
De Anónimo a 20 de Janeiro de 2004 às 22:55
deskulpa mas nesta n konkordo kntg...tb n konkordo kom o hash visto k tb esta na nossa natureza matar mas n é por issu k o devemus kontinuar a fazer...kontudo n t debes pôr no extremo da balança, mas sim no centro...enkontrar o ekilibrio é pra mim a melhor soluçao...kumer karne e vegetais sem exagerar num e noutro...(além dissu kem t disse k os vegetais n sofrem???!!há estudos k dizem k sim!)knt á melhoria da situaçao dos animais é um assunto kompletamente diferente e k tem todo o meu apoio kumo é óbvio!!mas n é por eu deixar de kumer karne k a situaçao deles bai melhorar!!!!bjs*********[tosh]
</a>
(mailto:carlosmfribeiro@netc.pt)
De Anónimo a 20 de Janeiro de 2004 às 22:01
o quê? deixar de comer carne? achas mesmo que é por deixar de se comer um bife que deixam de matar a vaca? porquê o esforço para negarmos a nossa natureza omnívora? o prazer que dá, comer um sumarento bife de vaca ainda em sangue com molho de natas e cogumelos... oh my god! sinceramente, eu amo animais, odeio vê-los maltratados e abomino a sua morte por motivos não alimentares, mas estes animais já foram criados com o propósito de nos nutrir. aceitem isso! eat at will :PHash
</a>
(mailto:hash@pqp.pt)
De Anónimo a 20 de Janeiro de 2004 às 19:51
MTA BEMMMMMMMMMMMMMM!!!!!!!!!!!!! *claps*Débora
</a>
(mailto:sp_tear@hotmail.com)

Comentar post